Como voltar à dieta saudável após os excessos de final de ano?

As festas de fim de ano acabaram e para muitos, as férias também. Isso geralmente significa mudanças nos hábitos alimentares, causados pelos excessos e o abandono dos exercícios físicos. Mas, sempre é hora de retomar a boa alimentação e não podemos ficar parados!

Na busca por resultados breves, é comum a intenção de começar uma dieta a fim de detoxificar ou de mudar a silhueta, eliminando peso e medidas. A principal recomendação para quem busca emagrecimento saudável ou melhorar a alimentação é buscar ajuda de um profissional nutricionista, que poderá orientar qual o plano alimentar é o mais indicado para sua dieta, levando em consideração suas características metabólicas e individuais.

 

É possível compensar os excessos e começar o ano com o pé direito

O nosso organismo é programado para se recuperar após esses abusos. É o que chamamos de detoxificação, uma limpeza natural, que acontece o tempo todo, independentemente da nossa vontade. Mas o consumo de certos alimentos acelera e potencializa esse processo. Claro que essa recuperação depende da quantidade dos excessos e do estilo de vida que cada um leva. Quanto mais saudável a pessoa for, mais rápida e natural é a recuperação. Quanto maior o consumo de gordura saturada, bebida alcoólica, e quanto menor o consumo de fibras, vitaminas, minerais e antioxidantes, com certeza a detoxificação será prejudicada.

Alimentos leves (com pouca gordura), verduras, legumes, frutas e hortaliças orgânicas são altamente recomendados. O cardápio as oleaginosas são bem indicados, como nozes, castanhas, avelã e pistache, que são ótimas fontes de gorduras insaturadas, ricas em selênio (mineral antioxidante que combate aos radicais livres), e auxiliam no controle das taxas de colesterol. Evite comer carnes gordurosas, como carne de porco, cupim, picanha, costela, durante o período de recuperação, pois o organismo já estará sobrecarregado. E fuja ao máximo do consumo de embutidos multiprocessados, de bebidas alcoólicas e doces calóricos. Os chás e sucos detox estão liberados, e ficam deliciosos!

 

Dicas que irão ajudar no processo detox

Beba muita água

Para se sentir melhor, o primeiro passo é investir na hidratação. A recomendação geral de ingestão de água feita pela OMS (Organização Mundial da Saúde) é de 2 litros de água por dia. E é água pura! Manter o corpo sempre hidratado contribui para o efeito detox do organismo das substâncias nocivas, provenientes da má alimentação. A água realmente limpa organismo e deve ser consumida entre as refeições. É através da urina e do suor que os elementos tóxicos são eliminados.

 

Reduza alguns alimentos do seu cardápio

Alimentos açucarados, gordurosos, frituras, industrializados e com muitos conservantes são os grandes vilões do cardápio quando pretende-se retomar a dieta e manter a alimentação saudável. A redução desses alimentos e a substituição por alimentos naturais e orgânicos, como frutas e verduras, favorece o emagrecimento e desencadeia um processo anti-inflamatório no organismo. O consumo de bebidas alcoólicas também deve ser evitado.

 

Consuma mais fibras

Prefira consumir carboidratos integrais. Já existem no mercado diversas opções de pães, massas e arroz integrais, que promovem uma maior saciedade do organismo, são ricos em vitaminas e minerais, e favorecem o funcionamento adequado do intestino, controla a glicemia, previne a constipação intestinal, evitando inchaços e retenção de líquidos.

 

Alimente-se mais vezes durante o dia

Comer muito e com grandes intervalos de tempo não é saudável. O ideal é fracionar as refeições ao longo do dia, de preferência estabeleça horários, evite beliscar e fique atento para a qualidade e a quantidade de alimentos. Esta dica busca evitar que você exagere na próxima refeição e que o metabolismo fique lento que, por consequência, reduz a queima calórica.

Café da manhã, almoço, jantar e dois lanches, associado a prática regular de exercícios físicos, são essenciais para que o metabolismo funcione normalmente. Atente-se para as fibras e nutrientes dos lanches.

 

Durma mais

Dormir 8 horas por noite favorece o descanso do seu corpo, bem como a regularização do metabolismo e a queima calórica.

 

Mastigue devagar

Comer devagar e mastigar bem os alimentos faz com que você sinta maior saciedade com uma menor quantidade de alimento. Além disso, a mastigação adequada previne distensão abdominal, enxaqueca, náuseas, constipação, refluxo e azia.

 

Restabeleça a prática de exercícios físicos

A alimentação saudável aliada à prática de exercícios físicos é fundamental para a redução e futuramente a manutenção de peso. Musculação, caminhadas, danças e até mesmo a troca do elevador do seu trabalho pelas escadas favorecem a queima calórica com a aceleração do metabolismo, além de gerar bem-estar e aumentar a autoestima a longo prazo.

 

Não faça jejum

Não coloque a sua saúde em risco. O jejum apenas prejudica, pois ele favorece a retenção de gorduras no corpo, para compensar os nutrientes que faltam, podendo sobrecarregar alguns órgãos. Além disso, você pode acabar exagerando na quantidade e na qualidade das próximas refeições.

 

Motive sua mente

O primeiro passo para o sucesso é querer algo. Portanto se a ideia é seguir dieta, é preciso estar determinado. Pense sobre como ficaria feliz se atingisse os objetivos ou vislumbrasse uma nova silhueta. Escrever as metas também pode ajudar, já que elas podem ser lidas sempre que bater a vontade de beliscar ou comer um docinho.

 

Receitas práticas que contribuem com o processo da recuperação

Cubo Verde

Ingrediente: Couve-manteiga (ou substitua por: agrião, folhas ou talo de brócolis).
Modo de Preparo: Lave bem a couve-manteiga, pique, e liquidifique com o mínimo de água possível. Coloque em formas de gelo e congele. No dia seguinte você pode desenformar esses cubos e guardar em sacos plásticos no congelador.
Consumo: Coloque os cubos nas suas bebidas.
Obs: Você também pode acrescentar hortelã, alecrim ou gengibre.

 

Suco Verde

Ingredientes: 1 folha de couve; ½ abacaxi; 1 pepino; 1 cenoura; 1 cm de gengibre; 200 ml água ou água de coco natural.
Modo de preparo: Bata todos os ingredientes no liquidificador e congele em formas de gelo, ou copos descartáveis. Quando for tomar o suco, bata 4 cubos congelados com o mínimo de água.

 

Suco Detox de Cenoura com Maçã

Ingredientes: 1/2 cenoura; 1 maçã; 1/2 pepino; 2 colheres de sopa de Chia; 1 copo de água de coco; 1 folha de couve Hortelã.
Modo de preparo: Bata todos os ingredientes no liquidificador, e congele em formas de gelo, ou copos descartáveis. Quando for tomar o suco, bata 4 cubos congelados com o mínimo de água.

 

Suco Digestivo

Ingredientes: 1 xícara (chá) de abacaxi em cubos; 1 cenoura; 1 xícara (chá) de talos de erva doce; suco de limão e raspas da casca.
Modo de preparo: Liquidifique todos os ingredientes com um pouco de água filtrada.

 

Deixe seu comentário!



Publicado em:

janeiro 3, 2019

Compartilhar

Endereço:

Av. Jabaquara 1771 – Saúde

São Paulo / SP

Telefone / Fax: +55 (11) 3508.0300

Telefone: 0800 940 3210

E-mail: [email protected]

%d blogueiros gostam disto: